Compra e Venda

Como calcular o preço de venda de imóveis: o que levar em consideração?

blog texto 002
Escrito por Provenda

Calcular o preço de venda de imóveis não é uma tarefa simples. Para chegar a um valor justo, é preciso que o corretor de imóveis ou o avaliador conheça as particularidades da região e entenda como funciona o mercado imobiliário.

Uma boa avaliação é determinante para o fechamento de um negócio, já que o preço é um dos primeiros fatores a serem avaliados pelos interessados.

Para ajudar você a entender como é calculado o valor de um imóvel e garantir uma boa compra, preparamos este texto com todos os detalhes que devem ser levados em conta. Quer tirar suas principais dúvidas sobre o assunto? Então continue a leitura e confira!

Qual a importância de uma boa avaliação?

Ter uma avaliação eficiente do imóvel, é essencial para fechar bons negócios. Descobrir o valor de mercado correto evita que você negocie sua propriedade por um preço abaixo do que ela vale e do que é praticado no mercado.

Além disso, um imóvel colocado à venda por menos do que realmente vale pode gerar desconfianças e afugentar aqueles que estão mais acostumados a realizar transações dessa modalidade, ou seja, pode ficar mais difícil.

Provenda Imobiliária

Que fatores influenciam o valor do imóvel?

Ao analisar o valor de um imóvel, muitos itens são verificados: desde a condição em que ele se encontra até a região em que está localizado. Para ajudar, fizemos uma lista dos principais pontos classificados pelo avaliador.

Localização

O local em que o imóvel está inserido é determinante para o seu valor. Segundo analistas, a localização pode determinar até 25% do valor do imóvel.

Áreas mais nobres e que concentram pessoas com maior poder aquisitivo, naturalmente, apresentam os imóveis mais caros de uma cidade. Por outro lado, se você se deslocar um pouco, é possível encontrar opções mais convidativas.

Isso acontece porque regiões que oferecem mais variedade de serviços, como parques, centros de compras e supermercados, escolas e universidades, bancos e farmácias são mais procuradas e mais bem avaliadas. 

Essas são facilidades que contribuem para a qualidade de vida e ajudam no dia a dia das pessoas, que não têm mais paciência e tempo para gastar no trânsito. Outra vantagem é que um comércio ativo na região contribui com a segurança e inibe ações criminosas.

Nesse caminho, um bairro com maior índice de criminalidade também pode ser mais barato. Regiões mais afastadas e que dispõem de poucas opções de acesso — menos linhas de transporte público — costumam ser desvalorizados em comparação a outros que oferecem essas opções.

Para ter uma ideia, é possível calcular o valor médio do metro quadrado da região. Para isso, basta dividir o valor total de venda de um imóvel pelo seu tamanho em metros quadrados.

Por exemplo, um imóvel de R$ 300 mil, com 120 metros quadrados, tem o metro quadrado avaliado em R$ 2.500. Em geral, esse valor é conhecido por bairro, por isso, tire suas dúvidas com o corretor de sua confiança. Esse é um aspecto muito importante, já que você consegue ter uma noção de quais regiões se encaixam à sua realidade financeira.

Diferenciais do prédio

Se estamos falando de um apartamento, o prédio também entra na conta! Serviços como elevador, piscina, porteiro, sauna, quadra, academia, salão de festas e de jogos são valorizados. Isso tudo também vale para casas em condomínios.

E não para por aí! O número de apartamentos por andar e o total de unidades, a quantidade de vagas disponíveis e a fachada também são levados em conta. Garagens cobertas também podem interferir no preço, já que os automóveis também são bens caros e que devem ser protegidos.

Apartamentos em andares mais altos e que ficam voltados para o Norte são mais valorizados, podendo influenciar em até 7% o valor do imóvel. Para que o valor do apartamento caiba no seu bolso e atenda às suas necessidades, avalie quais áreas comuns são indispensáveis para que você viva com qualidade.

Às vezes, pode valer a pena investir um pouco mais se a unidade lhe proporcionar algumas facilidades. Já imaginou não precisar mais gastar com academia e usar o espaço do condomínio?

Um prédio com piscina e brinquedoteca podem ser ideais para famílias com crianças. Já um espaço gourmet pode se encaixar perfeitamente ao que sempre sonhou aquele que não abre mão de cozinhar para os amigos.

O próprio imóvel

As características do próprio imóvel não poderiam ficar de fora, e talvez esse seja o tópico que apresenta mais detalhes para se observar.

As condições das portas, das janelas, da pintura, do piso e do acabamento chamam muito a atenção do avaliador e dos possíveis compradores. Diferenciais como automação, aquecedor solar, leitores biométricos e câmeras de segurança também fazem diferença. A segurança pode influenciar em até 15% do valor do imóvel.

A idade da propriedade e o estilo arquitetônico são fatores importantes. Estilo colonial e construções mais antigas podem ser desvalorizadas frente a edificações mais novas de estilo contemporâneo ou minimalista. Outro tópico relevante é o tamanho do imóvel. Espaços pequenos têm o seu lugar, mas, geralmente, quanto maior o imóvel, mais caro ele será.

Também é importante ficar atento às particularidades do acabamento, que podem encarecer uma propriedade. Superfícies em granito, por exemplo, podem valorizar o imóvel e aumentar o preço.

Vilar Primavera

Tipo de imóvel

Outro fator que influencia o valor de venda é o tipo de imóvel. Normalmente, sobrados são mais valorizadas do que casas que, por sua vez, apresentam valores maiores do que os apartamentos.

Nessa lista, os imóveis comerciais também têm o seu lugar. Geralmente situados em localização privilegiada, esses imóveis são muito valorizados.

Também não podemos esquecer dos condomínios fechados, que são muito procurados por quem deseja espaço e conforto e não quer abrir mão de comodidade e segurança.

Ainda assim, é preciso ficar atento ao tipo de condomínio. Os verticais, pois terem mais moradores, podem custar menos do que empreendimentos de condomínios horizontais.

Isso acontece porque o número de moradores encarregados pelas despesas de manutenção de um espaço é menor. Outro aspecto relevante: casas costumam ser maiores e propiciar maior privacidade, ou seja, tudo se reflete no preço.

Imóveis semelhantes

Outra forma de fazer uma boa avaliação imobiliária é por meio da comparação entre outra propriedade semelhante. Para isso, observe qual é o valor que as imobiliárias e os proprietários têm cobrado por um imóvel de mesmo tipo que o seu e que esteja na mesma localização.

No entanto, é importante entender o valor do metro quadrado e ficar atento aos diferenciais que o imóvel pode oferecer, certo? Seja modesto: não adianta comparar um apartamento padrão com o valor de uma casa com piscina.

Por que você deve buscar uma consultoria imobiliária?

Como já dissemos, tudo entra no cálculo. Sendo assim, não existe uma receita de bolo ou uma fórmula matemática única que defina o preço do imóvel. Na hora de avaliar um bem, o melhor a fazer é solicitar que um especialista faça esse serviço.

Deixar a avaliação nas mãos de um corretor ou avaliador especializado é a melhor forma de garantir a segurança do seu dinheiro. Além disso, você economiza tempo e garante uma transação dentro das exigências da nossa legislação.

No mercado imobiliário, existem corretores especializados em avaliação de imóveis. Para ser perito nesse quesito, ele precisa passar por um curso e se certificar. As melhores imobiliárias contam com esses profissionais.

Ao contar com os serviços de um corretor, você tem mais segurança para fechar um negócio, pois há uma certa garantia de que você está pagando um preço adequado pelo imóvel pretendido. É ele quem entende os valores praticados no mercado imobiliário e se a precificação está justa.

É importante procurar por profissionais renomados e experientes. Também não deixe de conferir se ele possui registro junto ao CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). Esse é o órgão responsável por regulamentar e fiscalizar as atividades desse profissional.

Uma boa avaliação imobiliária contempla diversas características, por isso, deve ser feita por um bom profissional especializado. Agora que você já sabe o que avaliar para calcular o preço de venda de imóveis, confira 5 estratégias incríveis para investir no mercado imobiliário e ter sucesso!

Sobre o autor

Provenda

A Provenda Imobiliária é uma empresa com tradição. São mais de 35 anos de mercado sempre buscando inovar para melhor atender ao seu cliente.

Gostou? Deixe seu comentário

Share This